domingo, 24 de julho de 2011

o meu amor se foi



o meu amor se foi
mas deixou lembrança
deixou seu cheiro em meu cabelo
e sua marca no travesseiro
deixou sua presença no ar
o meu amor foi ao banheiro
fingi dormir enquanto ia
e vi a imagem no espelho
que água levou na pia
o meu amor se foi
mas ficou comigo ainda
no meu sorriso teimoso
nas canções que canto
enquanto distraída me levanto
por sentir que o meu amor
que o meu amor volta
e vai voltar com outro cheiro
outra cor, outra forma, outros ares
meu amor quando volta
não volta o mesmo
na verdade não volta nunca
porque ele nunca se vai
o meu amor é o que está a minha volta
o que me atrai e me distrai

- Débora Paixão

9 comentários:

deia.s disse...

O amor de verdade nunca vai, fica em todas as coisas, em tudo, mesmo!
Lindo demais! *-*

http://amar-go.blogspot.com/

Sonhadora disse...

Isso Paixãozinha!
O que todo mundo quer é um amor que nunca vai. Um amor que sempre atrai e distrai.

Gênia!

=)

Fred Caju disse...

Genial os últimos dois versos!

Roberto Borati disse...

um amor marcado é amor marcado.

Geraldo de Barros disse...

na gota que escore no espelho o amor desenha um rosto, dois pingos e um sorriso, não é preciso mais do que isso para se reconhecer o sentimento, de repente vem o vapor, mesmo assim a imagem ainda dança dentro do embaçado do espelho. por quanto tempo? não se sabe. se vai se repetir? menos ainda. o amor realmente atrai e distrai. ;)

beijos

Mateus Borba disse...

O Amor fica e se transforma, e ainda assim é sempre Amor.

Beijos.

Mônica Lopes disse...

Lindo, simples e lindo adorei.

Eric Vieira disse...

Sinto saudades de você, e da inspiração que você me trazia com suas apaixonantes palavras

Paixão disse...

Como sempre, minha gente, obrigada por não me deixarem falando sozinha! rs

Beijos