quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Nuvem nada



Um dia essa nuvem deságua.
Um dia volta ao seu lugar.
A chuva é o retorno d'água
que cansou de evaporar...
O tempo está fechado,
mas eu decidi me abrir.
Só chuvas insistentes
é que gostam de cair...
Débora Paixão

3 comentários:

Bob Marinho disse...

eu insisto em cair aki
e te deixar mais elogios!
daki a pouco te peço em casamento!
hiauehiauehiaue


=o******

Paixão disse...

hahha
obrigada Bob ... :$

faz tempo que não vc não publica nada no seu blog né?
trate de voltar a escrever ...
eu tbm gosto de passar lá, mas já li tudo que escreveu até agora!
kkkkkkkkkkkkkkkk '

bjs

*Kah* disse...

Amiiga!!
Que lindo!!

Amei a foto!!...
E o poema!!! =)
Lindos!

Eu te amo!

Beijoos!